sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Réu confesso...


Imagem de Carlos Filipe
Site:www.carlosfilipe.com

Sou operário do sentimento
faço da imaginação
a oficina do meu
pensamento;

Sou inquilino da grafia
faço da retórica
a morada da minha
breve poesia;

Sou refém da saudade
faço da razão o portfólio
da minha felicidade;

Sou réu confesso do ardor
faço de minha defesa
um ato pleno de amor...

3 comentários:

Carlos Filipe disse...

Ola Boa tarde. Eu sou o autor dessa imagem que usa para ilustrar o seu poema. Gostaria que a retirasse ou entao que colocasse o nome do autor e/ou site por baixo... mto obrigado. Carlos Filipe www.carlosfilipe.com

Aleska disse...

" faço de minha defesa
um ato pleno de amor..." interessante esse verso.
Realmente deve ter um elo entre a razâo e o sentimento, e um nâo deveria prejudicar o outro.

Brasigrega disse...

Olá, gostei de seus poemas.
Tenho um blog de poesias, minhas e de quem quiser publicar...
http://gregapoemas.blogspot.com
http://marciagrega.blogspot.com

Um abraço
Marineide